Início » U-Destino: como funciona o novo destino da Uber?

U-Destino: como funciona o novo destino da Uber?

Ícone de pin localizador a esquerda. A direita, está escrito em destaque "U-Destino" com o logotipo da Uber acima.

U-Destino é a nova funcionalidade da Uber que possibilita o motorista ter informações completas sobre o destino final.

Atender ao pedido, buscar o passageiro e levá-lo ao local desejado. Esse é um passo a passo comum na rotina dos motoristas parceiros da Uber.

Em tese, todas as ferramentas e recursos existentes na plataforma são para facilitar e melhorar a qualidade de vida dos usuários, sejam passageiros ou motoristas.

Apesar disso nem sempre as demandas da comunidade de motoristas são imediatamente atendidas pela empresa. Isso porque a Uber diz levar em consideração, além do seu próprio plano de negócios, a experiência do usuário em qualquer possível mudança.

Como prova disso temos uma das demandas mais antigas por parte dos motoristas: receber informações a respeito do destino final da viagem antes de aceitá-la.

Esse recurso já era solicitado a anos, desde que a empresa se expandiu pelo país em 2016.

Acessar informações de uma viagem antes mesmo dela começar sempre foi um pedido dos motoristas e viemos trabalhando na melhor forma possível de atender isso sem impactar a experiência dos usuários.

Marcello Azambuja, Diretor da Uber Tech Center no Brasil

Apesar disso, somente essa semana, no dia 22 de Junho, a funcionalidade finalmente entrou em testes no Brasil. Ela será liberada de forma aleatória para alguns motoristas das cidades de:

  • Curitiba
  • Recife
  • São José dos Campos
  • Manaus

Assim como outras ferramentas que já foram disponibilizadas, a ideia é primeiro testar o desempenho prático do recurso e qual será o impacto dele em diferentes mercados antes de liberá-lo para todos os parceiros.

Como funcionará o U-Destino?

O U-Destino fornecerá informações mais completas sobre o ponto de desembarque escolhido pelo passageiro. Nome da rua e número do endereço, bairro, cidade, estado, CEP e país serão alguns dos dados presentes.

São informações muito mais ricas e precisas em comparação com o modelo de destino atual, que só informa a cidade, a região e o bairro.

Esses dados serão exibidos na tela de chamado, que já conta com a opção de aceitar ou recusar a corrida e a nota em estrelas do passageiro.

É importante lembrar que a ferramenta está em período de testes, então podem haver alterações entre o formato atual e a versão que será disponibilizada para todos.

Por que a ferramenta não foi adicionada antes?

É surpreendente que a Uber tenha levado tanto tempo para adicionar uma ferramenta de destinos mais detalhada, já que era uma demanda antiga e que poderia impactar na segurança dos motoristas e que já era um recurso amplamente utilizado pela concorrência.

Os aplicativos gerados com a tecnologia da Machine, por exemplo, já tinham essa funcionalidade há alguns anos.

A verdade é que havia, e ainda há, uma preocupação da empresa sobre como a disponibilidade de dados mais precisos sobre o destino poderia impactar no número de viagens realizadas.

O receio é que com dados mais profundos os números de viagens canceladas por parte dos motoristas venham a aumentar, por questões como periculosidade e falta de conhecimento sobre as áreas de destino.

A Uber tentou contornar essa mudança em Julho do ano passado, quando anunciou que a região de destino passaria a ser exibida junto com o chamado de corrida. Esse dado é apresentado até hoje, mas não foi o suficiente para atender aos pedidos dos motoristas.

Por mais que não tenha suprido a demanda dos motoristas, essa atualização pode ser vista como uma precursora do U-Destino.

Mais segurança para os motoristas

A notícia do lançamento do U-Destinos vem em um momento onde a Uber tem sido amplamente cobrada por medidas de segurança para seus motoristas.

No começo de Junho, uma reportagem do Fantástico indicou uma crescente de casos de violência que tinham como vítimas motoristas de aplicativo.

Nesse contexto, era realmente uma questão de tempo até que a maior empresa do ramo apresentasse uma medida como a visualização do destino final. Por mais que possam haver aumento no cancelamento de viagens, agora o motorista terá ao menos mais uma forma de se precaver e cuidar da sua segurança.