SiteMercado: o que é e como funciona?

O SiteMercado é a nova aquisição do iFood, o principal aplicativo de delivery do Brasil, mas, afinal, como ele funciona?

Realizar compras de supermercado é bem mais do que simplesmente uma atividade rotineira.

Para muitas pessoas, faz parte até mesmo de uma tradição familiar.

Mas, apesar disso, tem gente que detesta.

Entre os que amam e os que detestam, o fato é que é uma atividade essencial e hora ou outra, alguém precisa fazer.

Justamente por se algo essencial, os supermercados foram um dos poucos estabelecimentos que não fecharam durante o início da pandemia.

Porém, muitas pessoas passaram a procurar outras formas de realizar suas compras. Tanto que alguns mercados passaram a apostar no delivery.

O próprio iFood, que já havia iniciado a categoria mercado em 2019, mas de uma forma muito tímida, começou a expandir esse tipo de serviço.

Em agosto de 2020, as compras de supermercado na plataforma cresceram 240% em relação à março.

Devido a esse movimento, há algumas semanas, o iFood também foi às compras para adquiri o SiteMercado.

O que é o SiteMercado?

É um marketplace de supermercados, que permite as pessoas realizarem suas compras de forma 100% online.

É uma espécie de iFood destinado às compras de supermercado.

As pessoas entram pelo site ou pelo app, escolhem um estabelecimento e realizam todas suas comprar por lá.

Ele foi fundado no final de 2015, pelos empreendedores Gabriel Moreno e Davi Costa na cidade de São José do Rio Preto.

Em entrevista a Rede Vida, um dos sócios explicou que o projeto nasceu de uma necessidade própria. “A gente mesmo não gosta de ir ao supermercado, devido à fila, estacionamento lotado (…) então pensamos em algo que funcionasse para gente e para a população em geral”.

O site aposta muito nos pequenos mercados, afinal, consegue criar as condições para esses estabelecimentos migrarem para o digital.

E, justamente por isso, a solução fez “crescer os olhos” do iFood que deseja aumentar sua capilaridade nesses tipos de estabelecimento. Atualmente, a empresa possui 2,1 mil mercados cadastrados.

Segundo notícia da Revista Época, o SiteMercado está presente em 476 cidades de 24 Estados do país.

A expectativa do iFood é de que seu braço de supermercados chegue a 3 mil vendedores em 250 cidades até o fim de 2020.

Revista Época

Como funciona o SiteMercado?

Para o usuário, é possível instalar o app no celular ou realizar as compras no site da empresa.

Funciona de uma forma similar ao iFood, como já falamos.

A pessoa entra no marketplace, realiza a compra e solicita a entrega ou retirada no estabelecimento.

O pagamento é realizado no momento que o cliente recebe a mercadoria.

Já para os estabelecimentos, o cadastro é feito através do site abrasualoja.sitemercado.com.br, onde também é possível solicitar um demo da plataforma.

Segundo o site, não há custo de implementação e a plataforma estará funcionando em até 30 dias.

Além do SiteMercado, ao realizar a contratação, o estabelecimento passa a vender no Meu Mercado em Casa, que é uma plataforma semelhante e que possibilita o cliente pagar de forma online.

A empresa não realiza entregas, assim, tanto a coleta dos produtos quanto o próprio delivery é feito pelo estabelecimento.

Algumas funcionalidades da plataforma são:

  • Atualização automática de preço e estoque;
  • Cadastro dos produtos com fotos;
  • Monitoramento de pedidos emitidos;
  • Tratativa de estoque e ruptura;
  • Publicidade direcionada;
  • Área de entrega mapeada;
  • E-mail e SMS marketing;
  • Integração com Facebook;
  • Relatórios de performance;
  • GeoMarketing;
  • Prateleira do cliente;
  • Listas Prontas.

Não há taxa de implementação para plataforma. No entanto, é cobrada uma mensalidade de R$ 450 por mês, além da taxa de serviço de R$ 4,00 por pedido pelo consumidor nas plataformas.

Também é possível contratar o iFood em conjunto por R$ 750 mensais.

Caso a loja não fature até R$ 5 mil por mês, a mensalidade iFood é isenta.