Início » Motorista Uber pode fazer Uber Eats?

Motorista Uber pode fazer Uber Eats?

Motorista Uber pode fazer Uber Eats?

Além do transporte de passageiro, o mercado de entrega pode ser mais uma possibilidade de ganhos para o motorista. Mas afinal, o motorista Uber pode fazer Uber Eats?

O mercado de aplicativos de transporte é um sucesso, e isso você já sabe.

Os números bilionários da Uber e o sucesso de aplicativos regionais de transporte por todo Brasil mostram que o brasileiro se apaixonou por essa forma de se locomover pela cidade.

Mas além disso, o mercado de delivery por aplicativo avança no país. Assim, Glovo, Rappi, iFood, Uber Eats e outros apps já são parte da vida dos brasileiros.

Segundo a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), os pedidos de alimentos por aplicativo movimentam cerca de 1 bilhão de reais por mês.

Além da entrega de alimentos, os aplicativos multidelilvery estão ficando cada vez mais populares. Segundo o levantamento da Statista, o mercado de multidelivery promete faturar, até 2023, US$137,6 bilhões no mundo.

Os multidelivery são aqueles apps que além de comida, podem levar compras de mercado e farmácia, documentos e muito mais.

É por isso que cada vez mais pessoas estão embarcado nesse meio, seja como entregador ou abrindo o próprio aplicativo.

Entre os motoristas da Uber é constante a dúvida se eles também podem realizar entrega de alimentos, via Uber Eats.

Motorista Uber pode fazer Uber Eats?

Sim. O motorista Uber pode fazer Uber Eats. Basta ele se cadastrar na plataforma e pelo próprio app consegue realizar e aceitar viagens tanto de passageiros quanto de entregas.

Segundo o site da Uber, a forma de funcionamento é simples e parecida com o que ocorre no dia a dia do motorista, além de representar mais demanda de trabalho para ele.

A empresa informa que o valor pago pela entrega é o mesmo da UberX, podendo, em alguns casos, ser maior. Em caso de dinâmica, o valor da viagem é ajustado.

Apesar dessa possibilidade, o motorista Uber que deseja fazer Uber Eats só vai receber pedido de entrega caso não haja entregadores (moto, bicicleta e patinete) por perto. Assim, a recusa de uma entrega não vai afetar a taxa de aceitação de corridas.

O repasse do dinheiro é feito semanalmente, da mesma forma que as corridas. Em caso de necessidade de estacionamento, o motorista deve salvar o comprovante e enviar para Uber realizar o ressarcimento.

Em relação a sujeira, a Uber orienta que os motoristas usem uma bag para transporte, que ela mesmo vende em suas centrais pelo Brasil. No entanto, caso haja sujeira, o motorista deve enviar para a empresa um pedido de taxa de limpeza.

Entregas: ótimo opcional para aplicativos regionais

Como falamos anteriormente, ter opcionais em seu aplicativo de transporte é uma boa forma de se diferenciar da concorrência.

A plataforma da Machine permite que os gestores dos aplicativos habilitem serviços especiais de acordo com a necessidade do cliente.

Assim, é possível habilitar a função de aceitar entregas. Dessa forma, uma empresa ou uma pessoa que deseja levar um produto, documento e entrega de um ponto A para um ponto B pode solicitar um motorista disposto a fazer o transporte.

Dessa forma, o gestor do aplicativo abre mais uma possibilidade de ganhos para os motoristas e para a empresa. Afinal, essa é uma forma de realizar parcerias com empresas, escritórios e muito mais.

Caso queira ver mais algumas possibilidades de opcionais para incrementar o seu aplicativo, confira o ebook que preparamos para você.

Participe do nosso grupo no WhatsApp e não perca nenhuma notícia do mercado dos aplicativos de entregas e transporte de passageiros. Clique aqui.