À direita, ilustração de uma moça sentada em escritório cercada por gráficos. À esquerda está escrito: como montar uma empresa de motoboy?

Como montar uma empresa de motoboy?

O mercado de entregas depende de empresas que saibam aliar excelente serviço e tecnologia. Por isso, esse deve ser o foco ao montar uma empresa de motoboy.

De acordo com informações do aplicativo Mobills, gastos com delivery cresceram mais de 94% entre os meses de janeiro e maio.

Puxando esses números, estão os serviços prestados por motoboys de empresas especializadas e aplicativos de delivery.

No entanto, crescem as reclamações desses profissionais em relação as suas parcerias com os grandes apps.

Basta uma rápida pesquisa para entender os principais desafios dos motoboys pelas ruas do Brasil, e o porquê das manifestações.

Por outro lado, estabelecimentos comerciais também possuem suas queixas, principalmente no que diz respeito às altas taxas, falta de suporte e ausência de informações sobre os seus clientes.

Entender essas reclamações é a chave para quem está pensando em montar uma empresa de motoboy.

Entendendo as dores de estabelecimentos e motoboys

Toda empresa precisa ter como objetivo sanar as dores do mercado.

Afinal, nada adianta entrar em um espaço tão competitivo se for apenas para repetir padrões já estabelecidos. A empresa será só mais uma diante de tantos outros concorrentes, inclusive mais fortes e poderosos do que uma pequena empresa de motoboy.

Assim, já ao colocar no papel a empresa, é necessário estabelecer quais são as dores do mercado, ou seja, os problemas que precisam ser resolvidos e como isso será feito.

No mercado de entregas, atualmente, é necessário sanar a dor de dois lados:

  • Estabelecimentos, que vão contratar a empresa;
  • Motoboys, que vão trabalhar na empresa.

Os grandes apps de delivery representaram uma revolução no mercado de entregas, não há dúvidas.

No entanto, é necessário entender as lacunas que existem para novas empresas de motoboys atuarem, que são:

  • Altas taxas cobradas pelos apps;
  • Falta de informação sobre o cliente final;
  • Falta de padronização na qualidade do serviço;

Do lado dos entregadores, as dores são ainda mais latentes. Podemos destacar:

  • Ganhos baixos;
  • Falta de suporte dos aplicativos.

Desenvolva um plano de negócio

Antes de começar a empreender, independente da área desejada, é fundamental que você estabeleça um plano de negócios.

Quando se trata de uma empresa de motoboy, não é diferente.

Uma boa estratégia servirá como um guia importante nos primeiros meses de operação. 

Nesse momento, você precisa considerar pontos importantes como: nicho, orçamento e formas de operações. Responder à essas perguntas pode te ajudar.

  • Quais são as principais empresas de motoboy que atuam na cidade?
  • Há nichos de atuação no mercado?
  • Qual é o preço médio cobrado por quilômetro nas entregas?

Responder à essas perguntas, junto às dores que citamos atrás, já criará a base da empresa de motoboy que será competitiva na região.

Uma boa alternativa, nesse primeiro passo, é recorrer ao SEBRAE. Na seção de “serviços digitais” do site são oferecidas ferramentas para organização de empresas, como planilhas, calendários e plano de negócio.

Além disso, é imprescindível ter orçamento disponível para investir em marketing e nos custos operacionais para, assim, fazer a sua empresa de motoboy sair do papel.

Formalize seu negócio

Existem algumas maneiras para começar a empreender. A primeira, e mais simples, é se tornando Microempreendedor individual (MEI). Contudo, existem alguns requisitos. São eles:

  • Possuir renda bruta de até R$81 mil por ano, ou seja, R$6.750 de renda bruta mensal;
  • Ter apenas um empregado registrado;
  • Não ter participação em nenhuma outra empresa, seja como sócio ou titular.

Logo, essa é uma opção para quem está começando o negócio.

Depois, o ideal é que se faça a transição para microempresa. Nessa categoria, é obrigatório que o faturamento se mantenha até R$ 360 mil anual, mas não há limite de empregados registrados. A transição é feita pelo Portal do Simples Nacional.

É também neste passo que você vai precisar entrar com toda a documentação e conseguir o alvará de funcionamento. O ideal é contratar um contador profissional – ou empresa de contabilidade – para te orientar no processo.

Determine preços e taxas

Antes de começar a funcionar, você precisa ter uma estrutura de preços definida. Você pode ter uma ideia base de preço pesquisando a concorrência. No início é válido, também, ter uma taxa competitiva, para ajudar a atrair clientes.

Contudo, não esqueça do fluxo do caixa. Você precisa determinar quais serão seus custos contínuos e garantir que você tenha reserva disponível para pagar por eles, além de outros custos variáveis.

Defina a forma de operação da sua empresa

Como seu serviço chegará até o consumidor final? Será através de contrato terceirizado? Ou por meio de central telefônica? 

Além disso, é essencial possuir um aplicativo para a empresa de motoboy.

Dentro desse segmento existem duas opções: contratar um desenvolvedor freelancer ou uma empresa especializada.

Falando especificamente de empresas especializadas, você pode optar por uma que construa seu app do zero ou uma que ofereça uma plataforma white label.

No primeiro caso, essa empresa vai te ajudar a construir um aplicativo 100% novo, em que você poderá participar da criação desde o início, definindo seu design, suas funcionalidades e deixando-o totalmente do seu jeito.

É uma ótima opção, uma vez que você pode personalizar o aplicativo totalmente. Contudo, o custo é bem elevado, o que pode não ser tão interessante, principalmente, para quem está começando.

A via de operação mais vantajosa, nesse cenário, é uma plataforma white label, como a Machine. Você compra um app pronto, com todas as funcionalidades garantidas e personaliza com suas marca, logo e tarifas.

Invista em branding

Não basta ter uma logomarca, criar redes sociais e esperar que as pessoas conheçam a sua empresa. Você precisa investir em branding, ou seja, fazer a gestão da sua marca. 

É muito importante ter presença online, uma estratégia de marketing digital e um desenvolvimento de marca, para que não apenas os seus serviços sejam conhecidos, mas para que sua empresa seja sinônimo de credibilidade e qualidade.

Estudar sobre marketing digital, ou contratar uma empresa para realizar o serviço, é um dos pontos principais do crescimento do seu negócio.

No ramo de entregas, uma maneira muito utilizada de fazer a divulgação da marca é distribuindo bags personalizadas para os motoboys.

Além do blog, você pode conhecer mais sobre o serviço de motoboy pelo nosso canal no YouTube. Inscreva-se e aproveite!