Início » Como criar um aplicativo de mototáxi?

Como criar um aplicativo de mototáxi?

Fundo amarelo com Post-it amarelo, nele há a ilustração de duas pessoas em cima de uma moto.

A tecnologia da Machine permite que centrais de mototáxi lancem seu próprio aplicativo com a logo, nome e tarifas que elas mesmas definirem.

O mototáxi é um serviço de transporte vital em muitas cidades e bairros do Brasil.

Isso porque a moto é um modal extremamente adaptável a locais de difícil acesso.

Em 18 cidades do Brasil, o mototáxi é o único serviço de transporte disponível, como aponta o último perfil dos municípios, publicado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Isso sem falar nas cidades que simplesmente não possuem transporte coletivo com ônibus.

Em junho de 2018, o portal de notícias da Globo, G1, publicou uma matéria sobre a chegada do aplicativo Moto Já na cidade de Ariquemes, interior do estado de Rondônia.

A cidade de pouco mais de 100 mil habitantes não possuía ônibus para transporte coletivo e dependia quase que exclusivamente do mototáxi para o transporte de seus habitantes.

O aplicativo da Associação dos Mototaxistas da cidade, desenvolvido com a tecnologia da Machine, não demorou para ser um tremendo sucesso.

As grandes multinacionais também já estão de olho nesse sucesso, tanto que a Uber em novembro de 2020 anunciou a chegada da Uber Moto em Aracaju, na capital de Sergipe, o primeiro município a receber a modalidade no Brasil.

Atualmente, a modalidade moto da Uber já chegou em diversos outros municípios do país, como Recife, Fortaleza, Maceió, São Luís, Teresina, Contagem, Goiânia, Campo Grande e Cuiabá.

Dessa forma, as centrais de mototaxistas espalhadas pelo Brasil devem ficar bem atentas para que possam se adaptar a esse novo momento e não perder mais corridas nem para a Uber e nem para qualquer outro aplicativo.

A saída? Desenvolver seu próprio app.

Como desenvolver um aplicativo de mototáxi?

A Machine desenvolve aplicativos de mototáxi para centrais, associações, sindicatos, cooperativas ou qualquer grupo de mototaxistas que desejam ter uma plataforma tipo Uber.

Dessa forma, não é necessário conhecimento prévio em tecnologia, programação ou ter qualquer outra dor de cabeça para a contratação de uma equipe de desenvolvimento.

Isso porque a nossa plataforma já está pronta e é utilizada por diversas empresas de transporte de passageiros e entregas que juntas já tiveram mais de 120 milhões de solicitações.

Ao nos contratar, licenciamos essa tecnologia para que eles possam personalizar o aplicativo com a logo, nome e tarifas, além das funcionalidade que nossa equipe disponibiliza.

O aplicativo fica disponível nas lojas de app, tanto para celulares Android na Play Store, quanto para passageiros que usam iPhone, na App Store.

Tudo isso porque somos uma plataforma white label, como explicaremos a seguir.

O que é uma plataforma white label?

Uma plataforma white label é um produto de uma empresa de tecnologia que licencia para que um determinado grupo empresarial possa lançar o seu negócio.

Na Machine, nós somos uma plataforma white label para empresas de entregas e transporte de passageiros.

Então, no caso do transporte de passageiros, atendemos empresários, associações, sindicatos e cooperativos dos principais modais de transporte urbano: táxi, mototáxi e carro particular.

No caso das centrais de mototáxi que nós atendemos, o objetivo delas é, logicamente, ter um aplicativo para conectar seus passageiros aos mototaxistas da região, da mesma forma que a Uber atua.

Quanto custa criar um aplicativo de mototáxi?

Na Machine, a taxa de adesão de um aplicativo de mototáxi é de R$ 3.499.

Também cobramos uma mensalidade que varia de acordo com o plano e a quantidade de corridas solicitadas que o aplicativo tiver ao longo do mês.

Tabela de preço da Machine
*** Consultar valores com vendas
Corridas solicitadas incluem as canceladas e finalizadas;
Sujeito às regras de aprovação de crédito.

Plano Prata

No Plano Prata, as centrais de mototáxi têm acesso a um aplicativo para passageiros e mototaxistas com sua logo, nome, tarifas e as funcionalidade que disponibilizamos.

Neste plano, o aplicativo conta com uma precisão de mapas regular, taxímetro virtual, mais de 30 opções de cores para personalizar o aplicativo e o novo design para passageiros que utilizam iPhone.

Além disso, poderão usar o sistema pré-pago para mototaxistas e terão suporte por e-mail.

A taxa de adesão no Plano Prata é de R$ 3.499 e a mensalidade a partir de R$ 499.

Plano Ouro

As centrais de mototáxi que optarem pelo Plano Ouro vão ter todas as funcionalidades do Plano Prata.

Além disso, vão contar com uma precisão de mapas boa, suporte por telefone, cerca eletrônica, opção de expandir via franquia, filial ou adição de cidades, além do voucher eletrônico.

Os mototaxistas vão ter acesso ao botão de pânico e os passageiros ao multidestino.

E também poderão adquirir um sistema multioperação e multimodal.

A taxa de adesão no Plano Ouro é de R$ 3.499 e a mensalidade a partir de R$ 599.

Plano Diamante

As centrais do Plano Diamante vão ter todas as funcionalidade que falamos até aqui.

Além disso, terão acesso a uma precisão de mapas ótima e o gerente de contas, que é um profissional da Machine voltado a impulsionar os resultados dos clientes.

A taxa de adesão no Plano Diamante é de R$ 4.999 e a mensalidade a partir de R$ 999.

Funcionalidades

A seguir, vamos falar quais são as funcionalidades que as centrais de mototáxi vão ter acesso com a plataforma da Machine.

Taxímetro virtual

O táximetro virtual funciona para calcular as tarifas das corridas realizadas pelos mototaxistas, da mesma forma que um taxímetro físico utilizado pelos taxistas.

Os profissionais que utilizam essa tecnologia devem estar logados com o GPS e os dados móveis.

Customização de cores do app

Para personalizar o layout dos aplicativos, disponibilizamos mais de 30 opções de cores para que as centrais possam escolher aquela que mais combina com a marca.

Novo design aplicativo iPhone

Apesar dos celulares android serem maioria entre os brasileiros, sabemos da importância de ter um aplicativo iPhone atualizado com o design mais recente.

Assim, desde o Plano Prata, os passageiros dos nossos clientes já vão ter acesso ao novo design para iPhone.

Aplicativo da Machine

Créditos pré-pagos para mototaxistas

Cada central cobra os mototaxistas de uma forma diferente. Pode ser uma mensalidade, uma taxa por corrida ou um valor fixo por cada corrida realizada.

Na Machine, as centrais podem usar nosso sistema de crédito pré-pago. Assim, os mototaxistas podem realizar uma recarga prévia para começar a pegar as corridas.

De acordo com que elas vão sendo realizadas, o sistema vai debitando automaticamente da carteira virtual.

A central pode cobrar tanto uma porcentagem por corrida ou uma valor fixo. E também é possível misturar as duas formas de cobrança, de acordo com o preço total da corrida.

Matriz e Filial

A partir do Plano Ouro, as centrais de mototáxi podem adquirir uma outra plataforma para expandir o aplicativo para outras locais via franquia ou filial.

Adição de cidades

A adição de cidades serve para centrais que atuam, por exemplo, em Regiões Metropolitanas e cidades-pólo, ou seja, locais em que o aplicativo precisa operar em mais de uma cidade.

Voucher eletrônico

O voucher eletrônico é uma forma de pagamento para centrais de mototáxi que trabalham prestando serviços para empresas da cidade.

Dessa forma, a central fecha uma parceria com determinada empresa para realizar o transporte dos funcionários e clientes dela.

Como forma de pagamento, o passageiro paga no voucher eletrônico. A corrida então é faturada e, ao final do período combinado, a empresa paga pelos serviços prestados.

 Botão de pânico

O Botão de pânico é uma ferramenta de segurança para os mototaxistas das centrais que usam a nossa tecnologia.

Quando acionado, o mototaxista alerta a central e os outros mototaxistas da região que ele está em uma situação de perigo ou emergência.

Multidestino

Com o multidestino, os passageiros podem colocar até 4 destinos na mesma rota, ou seja, eles colocam 3 pontos de parada e um destino final.

 Cerca eletrônica

A cerca eletrônica é uma ferramenta de controle geográfico para as centrais de mototáxi.

Ela trabalha em duas frentes, as áreas de bloqueio e áreas de permissão.

Nas áreas de bloqueio, a central sinaliza uma região na cidade em que o mototaxista não pode trabalhar. Dessa forma, caso ele vá para essa região, ele para de receber corridas e é alertado que precisa sair do local.

Já na área de permissão, a central sinaliza que clientes que solicitarem corridas em determinada região serão atendidos por determinado mototaxista. Por exemplo, a central pode marcar no mapa que as corridas solicitadas no centro da cidades serão atendidas pelos mototaxistas Pedro, João e José.

Já as solicitadas na periferia serão atendidas pelos mototaxista Alberto e Fernando.

Multimodal e Multioperação

O multimodal serve para aquelas centrais que desejam cadastrar mais de um tipo de veículo no aplicativo.

Por exemplo, se determinada central deseja fazer corridas de mototáxi e de táxi, ela pode optar pelo multimodal.

Já o multioperação é bem interessante para as centrais de mototáxi que também desejam prestar serviços de entrega via motoboy.

O sistema da Machine conta também com uma tecnologia para empresas de motoboy, possuindo um painel de gestão de pedidos, otimização de rotas e integração com o iFood.

Se você deseja saber como criar um aplicativo de entregas via motoboy, confira o texto do nosso blog.

Gerente de contas

Por fim, o gerente de contas é um profissional da Machine que vai auxiliar os gestores da centrais de mototáxi do Plano Diamante a usarem a ferramenta para extrair os melhores resultados.


A Machine é a principal tecnologia para criação de aplicativos de transporte e entregas do Brasil. Juntos, os apps desenvolvidos com nossa tecnologia já tiveram mais de 130 milhões de solicitações.