Início » Categorias Uber: conheça todas em operação no Brasil

Categorias Uber: conheça todas em operação no Brasil

quadrado com duas linhas e uma setinha escolhendo uma delas

O Brasil é um dos principais mercados da Uber no mundo e, por isso, suas principais categorias estão em operação no país.

Publicado em 05/11/2020 – Atualizado em 04/08/2021

Algo que constantemente repetimos aqui no blog é o tamanho e a importância do mercado brasileiro para a Uber.

Vale ressaltar que durante sua abertura de capital, a Uber anunciou que o Brasil era o segundo país que mais solicitava corridas do app no mundo. Perdendo apenas para os EUA.

Por isso, é evidente que o aplicativo tem uma visão especial para o país.

Atualmente, a empresa conta com doze categorias em operação no Brasil, sem falar da Uber Eats e da Cornershop, serviço de entregas de alimentos e mercado, respectivamente.

Hoje vamos falar de cada uma dessas categorias.

UberX

A UberX é a categoria mais popular da Uber.

Ela está presente em todos os municípios em que o app opera e, de todas as categorias, é a que oferecia as menores tarifas até o surgimento da UberX Promo e Uber Moto.

Por ser a “categoria padrão”, os requisitos dos veículos são os básicos. Além de seguir as regras das regulamentações locais, basta ele ter quatro portas, cinco lugares e possuir ar-condicionado.

Em relação ao ano do carro, a Uber pede que seja no máximo 2008, mas isso muda de acordo com as regulamentações municipais.

Além disso, a empresa alerta que a categoria é exclusiva para carros de passeio, não sendo permitido o cadastro de táxis, pick-ups, vans e caminhonetes. “Também não aceitamos veículos adesivados, plotados, sinistrados e com alteração no sistema de suspensão ou freios”, alerta o site.

Uber Black

A Uber Black é a categoria que conta com as tarifas mais elevadas do aplicativo.

Sua principal característica são os veículos sedan ou SUV da cor preta e com banco de couro.

Ao contrário da UberX, ela não está disponível em todos os municípios em que a Uber opera.

Muita gente não se lembra ou até mesmo não sabe, mas a Uber Black foi a primeira categoria da Uber no Brasil e no mundo.

Afinal, a empresa nasceu oferecendo um serviço mais caro, para, em seguida, oferecer categorias mais populares.

Uber VIP

A Uber VIP é uma categoria que conecta passageiros e motoristas com as melhores notas.

Os preços são os mesmos oferecidos no UberX, podendo haver uma pequena diferença em alguns horários do dia.

Para o passageiro ter acesso, ele precisa realizar um número mínimo de viagens ou pedidos no Uber Eats, além de ter uma avaliação mínima. Segundo publicação da empresa em 2017, a nota mínima para passageiros era de 4.6 e eles precisavam ter realizado no mínimo 20 corridas ou pedidos.

Já para os motoristas, a empresa divulgava a seguinte tabela em 2018:

Tabela de requisitos para ser motorista Uber VIP

Uber Comfort

A Uber Comfort é a categoria intermediária entre Uber X e Black.

Ela é a antiga Uber Select e conta com veículos mais selecionados e motoristas mais bem-avaliados.

Seu lançamento foi marcado por uma certa polêmica, pois os passageiros têm a opção de marcar no aplicativo que não desejam conversar com o motorista. Além disso, podiam selecionar a preferência do ar-condicionado.

Uber Taxi

A Uber Taxi, como o nome diz, é a categoria do aplicativo para pedidos de táxi, disponível apenas na cidade de São Paulo.

A capital paulista foi a segunda cidade da América Latina a receber a categoria, atrás apenas de Santiago do Chile.

O cadastro dos taxistas é semelhante aos dos motoristas. Porém, eles devem apresentar o alvará e o Condutaxi.

O preço segue a tabela do município e é calculado pelo taxímetro. Por isso, quando o passageiro solicita uma corrida, o valor que aparece é estimado, por exemplo de R$51 a R$55.

Uber Flash

A Uber Flash é a categoria de envios de pequenos objetos por meio de um motorista Uber.

Ela nasceu durante o início da quarentena, justamente para atender a queda de demanda de corridas de passageiros.

Muitos motoristas já realizavam esse tipo de viagem, que às vezes gerava desconforto por não se saber a origem do objeto.

Os objetos não podem valer mais de R$500 e devem pesar no máximo 10kg.

O valor segue a tarifa do UberX.

Uber Direct

A Uber Direct chegou um pouco antes do Uber Flash.

Ao contrário do Flash, que é voltado para pessoas físicas, o Direct é focado em estabelecimentos comerciais.

Basicamente, as lojas usam a frota de motoristas Uber para realizar as entregas dos produtos para seus clientes. Assim, uma floricultura, por exemplo, pode vender pelo WhatsApp e usar o Direct para realizar a entrega.

Assim como Flash, ela também segue a tabela de preços do UberX.

Uber Juntos

A Uber Juntos é a categoria de viagens compartilhadas da Uber.

Ela nasceu do antigo Uber Pool. Porém, possui pequenas diferenças, como a necessidade do passageiro caminhar um pouco para chegar até o ponto de embarque ou ter que caminhar após o desembarque para chegar ao seu destino.

Devido ao compartilhamento da viagem, ela acaba ficando mais barata para os passageiros.

No entanto, durante a pandemia, a Uber Juntos está indisponível.

Uber Bag

A Uber Bag é a categoria para passageiros que necessitam de um porta-malas maior.

Por isso, os veículos que rodam por essa categoria possuem justamente esse diferencial.

O Bag funciona como uma espécie de opcional, ou seja, os veículos seguem rodando como X e Black, mas ao receberem uma chamada de Uber Bag, sabem que o passageiro precisará usar o porta-malas. Tanto que há opção Bag para X e para Black.

Suas tarifas também são um pouco maiores.

UberX Promo

Assim como a 99 tem a 99Poupa, a Uber criou a UberX Promo, que funciona com a mesma lógica. Ou seja, corridas mais baratas em momentos de menor demanda.

“Ao incentivar que as pessoas se desloquem em horários de menor movimento, queremos ajudar a população que precisa sair de casa a buscar horários alternativos e, assim, evitar aglomerações. De quebra, elas ainda economizam no valor das viagens”, disse a gerente de operações da Uber Silvia Penna.

No entanto, a categoria não foi bem aceita entre os motoristas, que já estavam insatisfeitos com os valores das tarifas do Uber X.

Uber Moto

Em novembro de 2020, a Uber anunciou a chagada da Uber Moto, a categoria da empresa para transporte de passageiros via mototáxi.

O local escolhido para ser a porta de entrega da categoria foi a cidade de Aracaju, capital do estado de Sergipe, local em que o serviço de mototáxi é extremamente tradicional.

Atualmente, o serviço está em outras cidades do Brasil, como Recife, Fortaleza, Maceió, São Luís, Teresina, Contagem, Goiânia, Campo Grande e Cuiabá.

Os preços da categoria Uber Moto são menores do que da categoria UberX. Em uma simulação na cidade de Recife, uma corrida do Aeroporto Internacional até a Prefeitura da cidade estava R$ 19,93 na UberX e R$ 16,71 na Uber Moto.

Uber Flash Moto

Além do serviço de transporte com moto, a empresa também colocou os serviços do veículo na categoria Flash, permitindo que os motoqueiros cadastrados para realizar transporte de passageiros, também pudessem fazer entregas de objetos.

Não há um comunicado oficial da Uber sobre o serviço no site, mas diversos portais noticiam que o serviço já está presente em Florianópolis, Recife e Maceió.

A Uber Flash Moto tem tarifas menores do que da Uber Flash, realizada com carros.

Em uma simulação na cidade de Florianópolis, uma entrega feita de carro com o Uber Flash custou R$ 6,93 e com a moto foi R$ 5,55.