Início » Categorias Loggi: serviço de entregas por aplicativo

Categorias Loggi: serviço de entregas por aplicativo

Ilustração de um entregado, ele está de máscara e capacete, ao lado está escrito "Categorias Loggi: serviço de entregas por aplicativo"

Vamos te mostrar quais são as categorias Loggi, o principal serviço de entregas por aplicativo do Brasil.

Se você acompanha nosso blog, sabe que constantemente falamos da Loggi por aqui.

Não é à toa. A empresa é responsável pelo principal serviço de entregas por aplicativo do Brasil e é impossível falar desse mercado sem falar da Loggi.

Por isso, para entregadores ou empreendedores que desejam ter seu próprio serviço de entregas, é imprescindível dissecar cada ponto dessa empresa.

Já falamos sobre a sua história e sobre o funcionamento para entregadores e clientes que desejam participar do aplicativo.

No texto de hoje vamos explicar quais são as categorias oferecidas pela empresa e a diferença de cada uma delas.

Loggi Já

Categoria de same day delivery, ou seja, modalidade em que o cliente recebe sua encomenda no mesmo dia.

Aqui entram entregas de contratos, documentos, objetos pequenos ou pedidos para pessoas físicas ou escritórios.

Nesta categoria, a empresa tem uma tabela de valores fixos que se tornam variáveis caso a entrega tenha um ponto de parada adicional.

Nas cidades (incluindo a região metropolitana) de Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo a tarifa inicial custa entre R$12,90 e R$14,90.

No interior de SP, o preço inicial é de R$11,90.

O valor é o mesmo para Brasília, Goiânia, Uberlândia, Florianópolis e Vitória.

Já nas cidades disponíveis no Norte e no Nordeste do país, a tarifa inicial é de R$9,90.

Loggi Pro

Essa categoria é voltada para e-commerces que desejam realizar suas entregas no mesmo dia ou no dia seguinte à compra. 

Em São Paulo, por exemplo, as entregas no mesmo dia são feitas em até seis horas. Já as realizadas no dia seguinte tem um tempo máximo de 12 horas.

Assim como na Loggi Já, a categoria Pro também tem uma tabela de tarifa inicial pré-estabelecida que varia de acordo com a cidade.

Nesta modalidade específica, a empresa determina zonas fixas que partem do local do estabelecimento.

Se a entrega exceder o raio determinado, o valor passa a ser dinâmico, levando em consideração a quilometragem e paradas adicionais.

Se o entregador precisar retornar ao estabelecimento por algum motivo, esse trajeto é considerado um ponto extra.

Nas cidades (incluindo a região metropolitana) de Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo a tarifa inicial custa entre R$11,90 e R$12,90.

No interior de SP, Brasília, Goiânia, Uberlândia, Florianópolis, Vitória e cidades do Norte e do Nordeste, os valores são os mesmos da Loggi Já.

Loggi Presto

Essa categoria foi pensada exclusivamente para delivery de comida ou pequenos comércios locais.

Nessa modalidade a cobrança é feita na hora da entrega e o entregador se equipa com bolsa térmica – desenvolvida pela Loggi –  e maquininha de cartão.

Assim, o entregador não precisa retornar ao estabelecimento para entregar o dinheiro. Ele já é debitado automaticamente.

Para entregas em um raio de 3km os preços são os mesmos da categoria Pro.

Depois disso, o valor também aumenta de acordo com paradas adicionais e quilometragem rodada.

Start e Prime – Entregadores

A Start e Prime são as categorias para os entregadores e funcionam da seguinte forma.

Quando um entregador se cadastra na Loggi e é aprovado, ele automaticamente entra na categoria Start.

Nessa modalidade os pedidos são mais simples e as tarifas são menores.

Para essa categoria, o entregador deve:

  • ter no mínimo 21 anos;
  • ter uma motocicleta com até 10 anos de fabricação;
  • apresentar CNH – Carteira Nacional de Habilitação com EAR;
  • ter CNPJ válido como Microempreendedor Individual (MEI) com CNAE (Classificação Nacional de Atividade Econômica) adequado;
  • apresentar comprovante de residência;
  • apresentar documento oficial com foto.

Depois de um ano atuando na plataforma, o entregador pode entrar na categoria Prime. Nessa modalidade os pedidos são maiores e as tarifas também.

Além dos requisitos iniciais, para ser Prime o entregador precisará também de:

Para mais informações consulte o site da empresa.