5 dicas para as redes sociais do seu app de mototaxistas

Além de unir amigos e parentes distantes, as redes sociais viraram uma importante ferramenta para o crescimento de qualquer negócio. Confira essas dicas para crescer usando as redes sociais do seu aplicativo.

A tecnologia permitiu um leque gigantesco de novos negócios.

Se pensarmos no mercado dos mototaxistas, os aplicativos representam uma verdadeira revolução na mobilidade urbana.

Mas além do negócio em si, a tecnologia permitiu que novas ferramentas fossem criadas para impulsionar a divulgação do serviço.

E aqui destacamos as redes sociais. Essa importante ferramenta se tornou o carro chefe do marketing de empresas de todos os tamanhos.

Um estudo realizado pela agência iProspect revelou um aumento de 86% nos investimentos com anúncios em redes sociais entre 2016 e 2017. O estudo foi realizado em 54 países do mundo e com mais de 210 marcas.

Devemos lembrar que as redes socais viraram uma espécie de shopping center. A intenção é fazer com que você fique lá o maior tempo possível. Seja conversando com alguém, comentando uma foto e, também, vendo anúncios.

Afinal, hoje as redes sociais têm como um dos seus principais faturamentos a venda desses anúncios.

Assim, ter uma página do seu aplicativo nas redes sociais é essencial para que o seu público alvo saiba quem é você e, claro, queira solicitar ou ser um mototaxista do seu app.

Porém, não basta apenas ter uma rede social. É preciso agir de forma estratégica, pensada e saber quais são as melhores ferramentas para o seu negócio.

1. Encontre a rede social adequada

O site Social Media List fez um levantamento das 250 redes sociais mais usadas em 2019.

Isso significa que há uma gama gigantesca de possiblidade para você trabalhar nesse meio.

No entanto, diante de tantas possibilidades, é importante saber a rede social específica para o seu objetivo.

Quando falamos do mercado de apps de mobilidade urbana, um gestor tem dois grandes desafios. Conseguir passageiros e conseguir mototaxistas.

Por isso, você vai precisar de uma boa estratégia de rede social para atingir esses dois públicos.

Para alcançar ambos no mesmo lugar, o Facebook é considerada a rede social mais adequada. Afinal, ela é a mais popular no mundo, com 2.2 bilhões de usuários mensais. Além disso, o Facebook também te permite direcionar publicações para públicos específicos, o que falaremos logo mais.

Porém, caso você possa investir em outras redes sociais, é possível obter ferramentas que alcancem ainda mais o seu público.

Por exemplo, o Instagram que tem altos índices de engajamento. Lá você pode publicar fotos e vídeos com informações sobre o seu aplicativo, oferecer cupons de descontos e divulgar eventos na sua cidade. Tudo sempre com o apelo visual característico dessa rede social.

Uma estratégia muito usada no Instagram é solicitar que os seus próprios clientes marquem a sua empresa na página pessoal deles. Isso permite uma divulgação espontânea da sua marca.

Mas, além disso, há o Youtube que te permite a produção de conteúdo audiovisual. É uma boa possibilidade, apesar de exigir mais investimento para um conteúdo de melhor qualidade.

Divulgar vídeos contando, por exemplo, histórias de satisfação dos clientes e dos mototaxistas é sempre uma boa. Além disso, é uma possibilidade de humanizar mais a sua empresa, mostrando a cara de quem está por trás da empresa.

2. Tenha uma identidade visual

Não se preocupar com a identidade visual é um erro muito comum dos gestores.

Pode parecer uma questão secundária, mas a verdade é que a sua página nas redes sociais precisa conter a identidade visual do seu aplicativo. Ou seja, possuir a sua logo e suas cores características.

Isso fará parte da construção da sua marca e assim que o seu cliente ou mototaxista bater o olho, saberá que é você. Segundo o blog da We do logos, isso é essencial para o rápido reconhecimento do seu conteúdo. Principalmente em uma época de tanta informação sendo postada nas redes sociais.

Além disso, eles alertam para a transmissão de credibilidade que uma boa identidade visual transmite.

“Quando cores, tipografia e iconografia remetem automaticamente à sua marca, abre-se um caminho para a conquista de clientes. Pois a unidade visual ajuda a captar novos visitantes e a fidelizar aqueles que já são recorrentes”.

Muitas vezes, por ser considerada uma atividade secundária, a responsabilidade do design é colocada em segundo plano e deixada a cargo de um não profissional.

No entanto, é de suma importância que essa atividade seja exercida por um profissional capacitado da área.

3. Crie conteúdo de qualidade para o seu público

Criar conteúdo para alimentar suas redes sociais é uma arma importante na sua estratégia.

Afinal de contas, o conteúdo gera credibilidade, engajamento, aumenta sua relevância, instrui o mercado e atrai novos clientes.

Para isso, há um leque de opções que você pode fazer. Busque criar pequenos artigos com dicas e orientações para mototaxistas.

Já para os passageiros, você pode ajudar a promover eventos e pontos turísticos da sua região. Afinal, para visitar esses locais, eles precisarão de um transporte e vão, consequentemente, lembrar de você.

Essa é a estratégia que ficou muito famosa por ter sido usada pela Michelin. Ao criar um livro com dicas de bons restaurantes e hotéis na Europa, a empresa de pneus estimulou que seus clientes usassem os carros e logo, seus pneus. Com os pneus desgastados, onde eles iam comprar pneu? Na Michelin.

Por isso, criar conteúdo para as redes sociais é uma ótima estratégia.

4. Impulsione suas publicações

As estratégias aqui colocadas são gratuitas. Porém, caso você queira ter melhores resultados, busque separar uma verba para impulsionar suas publicações.

A explicação é a seguinte. Todos os dias milhões de conteúdos são gerados e compartilhados no Facebook. Assim, é simplesmente impossível que todas as pessoas vejam tudo o que você posta.

Logo, quando você publica algo na página da sua empresa, é possível que esse conteúdo fique perdido no meio de tudo que é publicado no Facebook.

Ao impulsionar uma publicação, você consegue que aquele conteúdo que você gerou seja visto por um público específico. É possível escolher o público por localidade, faixa etária, gênero e até mesmo interesse.

Então, imagine que vá acontecer um evento de música sertaneja na sua cidade. Você pode criar um cupom para quem vai ao evento, publicar e impulsionar para esse público.

As campanhas no Facebook também te possibilitam mensurar os resultados. Podendo, assim, descobrir quantas pessoas reagiram, quantas viram o anúncio ou quantas clicaram no link.

5. Responda os comentários

Segundo a agência de marketing digital Raccoon, responder todos os comentários é o primeiro passo para utilizar esses comentários ao seu favor.

“Aos comentários positivos (…) agradeça sempre. Dê uma resposta de agradecimento e mostre o quanto a apreciação daquele cliente/usuário é importante para você. Aos comentários negativos, responda sempre se disponibilizando para sanar quaisquer problemas que levaram aquele usuário a deixar uma crítica”.

As redes sociais são um importante elo de comunicação do seu aplicativo com mototaxistas e passageiros. Por isso, busque responder os comentários que eles fazem na sua página. Assim, você cria mais engajamento, se aproxima do público e permite que ele seja ouvido.

Não tenha medo das críticas também. Busque escutar e solucionar o que for possível.

Além disso, caso alguém esteja passando dos limites da crítica, existe a possibilidade de banir esses membros.

Para acompanhar mais informações do mercado de mototáxi, continue conferindo nosso blog.